ITACAJÁ – Tocantins

ITACAJÁ – Tocantins

Itacajá

Tem-se notícia do povoado desde antes de 1900, quando um grande comerciante de gado, capitão Agostinho Soares Correia, era proprietário de grandes porções de terras e fazendas da região. Há relatos de que, em duas de suas grandes fazendas, nasciam 12 000 bezerros ao ano.

Diante de tanta riqueza, aquele pequeno povoado foi crescendo e tornando-se notório na região.

Outro fato marcante na região foi a fuga dos índios que estavam sendo caçados na região sul do Maranhão, que foram “acolhidos” pelo capitão Agostinho.

Em março de 1926, a Coluna Prestes passou pelo município, atravessando o rio Manuel Alves Pequeno.

A fundação oficial de Itacajá deveu-se aos esforços do missionário batista, pastor Francisco Colares, que ali se radicara em 1938 para evangelizar os índios Kraôs. Tendo, porém, em vista as necessidades dos sertanejos, fundou uma escola e um orfanato. “A cidade começou com um orfanato fundado pelo pastor Francisco Colares e sua mulher Beatriz em 10 de abril de 1942.

Inicialmente, era conhecido como Porto do Vau, devido ao vau que se formava no verão onde hoje está construída a ponte e porto. Logo acima, era o porto. Criado pela lei estadual de número 891 de 12 de novembro de 1953, Itacajá foi fundada e tornou-se um grande município.

 

CONHEÇA OS HOTÉIS & POUSADAS QUE A ROTEIROS BR INDICA PARA VOCÊ EM ITACAJÁ!

Leave a Reply

Your email address will not be published.

seventeen + 7 =

error

Enjoy this blog? Please spread the word :)

Instagram