Descrição

BANNER PARA ROTEIROS

Click AQUI e Conheça os Hotéis & Pousadas que a Roteiros BR indica a voce em Lucas do Rio Verde.

A cidade de Lucas do Rio Verde, em Mato Grosso, tem inúmeros motivos para comemorar o frequente aumento de turistas em suas terras. A pequena e pacata cidade de pouco mais de 55 mil habitantes agrega paisagens naturais, história e desenvolvimento social que encantam os visitantes brasileiros e também os estrangeiros. Curiosidade: Lucas do Rio Verde tem esse nome em homenagem ao seringalista e desbravador de sertões Francisco Lucas de Barros, que tinha na extração do látex a sua maior motivação em vida.

Conhecendo e se encantando com Lucas do Rio Verde.

O Parque Municipal dos Buritis é, sem sombra de dúvidas, o principal ponto turístico de Lucas do Rio Verde. Na entrada do parque localiza-se a Secretaria de Meio Ambiente da cidade em uma construção levantada a base de cascalho. Com mata nativa e mais de 2.800 metros de extensão, o parque é cercado por animais nativos que adoram dar uma passeada em suas margens. Lá é possível encontrar macacos, jabutis, lagartos etc.

Em uma caminhada de ritmo normal é possível percorrer todo o parque levando de 1h a 1h20. O local conta com três ou quatro locais de descanso. E não se esqueça de levar a sua garrafinha de água.

Outro ponto turístico de destaque em Lucas do Rio Verde é o lago Ernani José Machado. Ele fica no lado verde do córrego Lucas, com mata e animais nativos. Uma ponte de madeira feita de itaúba liga dos dois pontos do lago, que ainda conta com várias espécies de peixes e o aparecimento, de vez em quando, de cobras sucuri. Mas fique tranquilo, pois passear pelo lago Ernani José Machado é seguro e garantido pela prefeitura de Lucas do Rio Verde.

Merece destaque também o lago formado graças à implantação da Usina Hidroelétrica Canoa Quebrada, que recebe adeptos ao jet-ski e barcos de pequeno porte. Ao mesmo tempo em que é bonito visualmente, o passeio é histórico e de âmbito informativo, já que essa hidroelétrica pode abastecer uma cidade de até 100 mil habitantes.

O Rio Verde também merece ser visitado devido à beleza de suas corredeiras de águas límpidas e geladas. Há ainda um grande boneco simbolizando um simpático porquinho, onde os visitantes adoram tirar fotografias.

Uma gigantesca imagem de Nossa Senhora de Fátima (aproximadamente 7 metros de altura), a Praça dos Pioneiros e a Praça dos Imigrantes completam os principais atrativos turísticos de Lucas do Rio Verde.

HISTÓRIA DA CIDADE

Francisco Lucas de Barros foi um seringalista, desbravador de sertões. Este homem, afeito a rudeza da selva, via na extração do látex sua motivação de vida.

Profundo conhecedor da região, teve seu nome perpetuado pela história ao emprestá-lo ao município de Lucas do Rio Verde. O ponto onde está assentado o núcleo urbano abrigou, no início da década de 1970, o acampamento de obras do 9º BEC – Batalhão de Engenharia e Construção, por ocasião da abertura da rodovia Cuiabá-Santarém, a BR 163.

Era o acampamento Lucas. Por volta de 1976, a Coordenaria Regional do Incra em Mato Grosso, iniciou a discriminação judicial da Gleba Lucas do Rio Verde, abrangendo um perímetro de mais de 210 mil hectares. Em 1980, a área foi declarada prioritária para fins de reforma agrária, através de decreto federal, servindo de assentamento para famílias de agricultores vindos de Ronda Alta, no Estado do Rio Grande do Sul.

Neste período o núcleo de povoação foi solenemente estabelecido em ata. Posteriormente observou-se novo fluxo migratório, com gente dos Estados do Paraná e São Paulo. Com o progresso, foi criado o distrito de Lucas do Rio Verde, em agosto de 1985. O município de Lucas do Rio Verde, cujo nome jamais foi alterado, foi criado em 04 de Julho de 1988, através da Lei Estadual nº 5.318, com território desmembrado do município de Diamantino

Lucas de Rio Verde - Mato Grosso

Não há comentários ainda.

Seja o primeiro a avaliar “ROTEIROS & ATRAÇÕES – LUCAS DO RIO VERDE – Mato Grosso”

Sua nota para esta escola
Escolha para avaliar